Aluno do APOGEU conquista a primeira medalha de ouro de Juiz de Fora nos Jogos Escolares da Juventude

Compartilhe!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin

Pela primeira vez na história, um juiz-forano conquistou uma medalha de ouro nos Jogos Escolares da Juventude. João Macedo, aluno-atleta do APOGEU, terminou a competição com duas medalhas: uma de ouro nos 100 metros com barreiras e uma de bronze no salto em distância.

Na disputa dos 100 metros com barreiras, além do ouro, João ainda bateu o recorde brasileiro ao completar a prova com 13s99 e garantiu uma vaga para o Sul-americano que acontece em Assunção no Paraguai no final do ano.

“Estou muito feliz, porque, com esta vitória, consegui a convocação para Seleção Brasileira no Sul-americano. Esta conquista representa todo tempo de dedicação nos treinos. No futuro, quero conseguir destaque internacional e buscar convocações para Jogos Olímpicos e Mundial, talvez”, planeja o novo recordista.

E essas não foram as únicas medalhas do APOGEU no atletismo. Nos 1000 metros rasos, a aluna-atleta Noemí Alves ficou com a medalha de prata e também conseguiu uma vaga para o Sul-americano. Noemí completou a prova em 3m10s01, sendo superada apenas por Ana Gabriela da Silva, do Mato Grosso, com o tempo de 3m01s34.

Outro atleta do APOGEU, Pedro Henrique Oliveira, também fez bonito e terminou em 11º lugar nos 1000 metros rasos masculino.

Para o treinador dos atletas, Jefferson Verbena o resultado expressivo é resultado de muito trabalho: “medalha é um reconhecimento do trabalho que vem sendo desenvolvido, trazendo mais incentivo e valorização aos projetos que busquem a captação de novos talentos no Estado” diz Jefferson.

Um desses projetos é o APOGEU Olímpico que tem como objetivo incentivar e apoiar os atletas da Rede de Ensino APOGEU nas diversas competições da região, além de descobrir novos talentos no esporte. Sabendo importância do esporte na educação, o projeto também estimula a prática esportiva dos alunos como forma de desenvolver suas competências sociais. O APOGEU Olímpico ainda conta com uma vertente social ao oferecer um programa de bolsa de estudos para os jovens talentos de baixa renda.