Cultura de Inovação: como levamos para a sala de aula?

Compartilhe!

Você já ouviu essa frase de um adolescente? “Mas pra quê eu vou usar isso na minha vida?”

Aposto que se você nunca falou, com certeza já ouviu.  Um dos grandes desafios das escolas é trazer sentido real ao aprendizado. O método entre educador explicando no quadro e aluno copiando na sala de aula, em uma posição de hierarquia, não faz sentido em todas as situações. Por vezes, é comum gerar desinteresse do aluno, que não entende o que ele está aprendendo.

A Cultura de Inovação está presente dentro do APOGEU como guia de novas situações que facilitem o aprendizado. O nosso desafio é trazer a inovação, que sempre foi um dos pilares da Rede, para dentro de sala de aula, com excelência. E pensando em sala de aula, como construir esse aprendizado?

Experimentação

Através da Cultura de Inovação, o aprendizado é construído a partir da experimentação, da exploração de temas e da proposição de novos olhares para o mundo ao nosso redor. Ao lidar com experiências reais aliadas aos conhecimentos adquiridos em sala de aula na criação de projetos, os alunos encontram sentido no que estão estudando e desenvolvem novas competências.

No ambiente escolar, essa cultura só faz sentido se for usada como uma ferramenta de inovação pedagógica, sendo parte da transformação do educador e do aluno, já que lidam juntos com os desafios do nosso tempo e estão em constante aprendizado um com outro.

Currículo de Cultura de Inovação (CCI)

As atividades são ligadas à Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e à Base Curricular para Cultura de Inovação (BCCI) do nosso parceiro Nave à Vela. Com isso, desenvolvemos projetos ligados a Inovação, sempre norteados pelas seguintes macro competências e respeitando as faixas etárias:

1º ao 4º ano: Letramento Tecnológico, Resolução Criativa de Problemas e Realização de Projetos.

5º ao 9º ano: Intenção Criativa, Curiosidade Artístico-científica, Pensamento Complexo e Construção Colaborativa.

Desafio Maker

Esse ano, entre julho e agosto, desenvolvemos o nosso Desafio Maker. Foi uma ação cultural que tem como objetivo apresentar às famílias, de forma prática, os benefícios da Cultura de Inovação no ambiente escolar.

A ideia era que, com isso, pudéssemos proporcionar às famílias a oportunidade de colocarem a mão na massa, junto aos seus filhos, para evidenciar, na prática, as principais competências e aprendizados que estão sendo desenvolvidos por meio desta abordagem de aprendizagem.

A participação atingiu grande parte dos alunos, que amaram colocar a mão na massa e receberam brindes pela participação.

Deixe um comentário